skip to Main Content

O que é gamificação nas empresas e quais os benefícios?

A dinâmica existente nos jogos oferece uma gama de possibilidades e experiências: desde a segmentação de tarefas em etapas e objetivos; até o alcance das vitórias, promovendo mais entusiasmo ao jogador e prendendo seu interesse para os desafios futuros. Por isso, saber o que é gamificação nas empresas é o primeiro passo para implantar uma gestão inovadora, que acompanha resultados e mantém o nível de engajamento da equipe lá em cima. Prossiga com a leitura para entender o conceito, conhecer seus benefícios e saber tudo sobre sua implementação no ambiente de trabalho!

O que é gamificação nas empresas? 

Gamificação, de forma geral, diz respeito à utilização de conceitos geralmente encontrados em jogos, em outras áreas da vida. Muitas escolas, por exemplo, fazem uso desta prática para estimular o aprendizado do conteúdo por parte dos alunos, através de regras, desafios e pontuações. 

Essa mesma lógica também é eficaz no mundo corporativo; por isso, é possível encontrar exemplos de gamificação aplicada aos negócios. O objetivo é basicamente o mesmo: envolver os colaboradores, de modo que eles possam alcançar metas, evoluir em suas carreiras, ganhar recompensas e ficar satisfeitos com o trabalho. 

Benefícios da gamificação aplicada aos negócios 

O uso da gamificação empresarial, quando bem estruturado, garante uma série de benefícios — à organização e aos seus colaboradores. Continue lendo para saber mais sobre cada uma dessas vantagens: 

Senso de determinação 

Quem costuma jogar videogames sabe que é comum passar horas tentando concluir uma única fase. Da mesma forma, no meio profissional, é preciso ser persistente e investir tempo e esforço em prol de determinada meta. A superação de obstáculos, seguida do alcance de uma nova meta e do recebimento de uma recompensa, faz parte dos fundamentos da gamificação. 

Foco na missão 

Durante um jogo (digital, de tabuleiro ou mesmo um esporte), temos uma missão bem definida, isto é, sabemos o que deve ser feito: passar de fase, acertar enigmas ou simplesmente derrotar um adversário. Pode-se dizer, então, que o foco está todo voltado para essa atividade, sem distrações ou perda do envolvimento. A gamificação, com seus mecanismos semelhantes aos games, permite essa mesma concentração na rotina de trabalho. 

Motivação e engajamento das equipes 

Manter a motivação e o engajamento das equipes em alta é um dos maiores desafios do setor de RH. Os funcionários tendem a se queixar, por exemplo, quando sentem que não estão sendo tão produtivos para a empresa. Felizmente esse problema pode ser contornado com um programa de gamificação já que, assim como nos jogos, o trabalhador se realiza ao cumprir objetivos – como se tivesse passado por uma fase difícil ou vencido um oponente poderoso. Em outras palavras, o próprio colaborador se motiva, a partir dos resultados de seu desempenho. 

Colaboração entre as pessoas 

Muitos games promovem a interação e a parceria com outros jogadores; dentro das empresas, isso é muito importante, já que a colaboração em equipe é essencial. No momento em que todos se ajudam para alcançar um mesmo objetivo ou vencer uma competição, os laços se estreitam e as pessoas se unem. Esse alinhamento coletivo faz toda a diferença no ambiente de trabalho. 

Clima competitivo e saudável 

Se por um lado a gamificação promove o trabalho em equipe, por outro, também motiva a competição saudável. Todos querem dar o melhor de si para atingir a maior pontuação e ficar em primeiro lugar no ranking. Em meio a essa “disputa”, independentemente de colocações, a produtividade dos envolvidos cresce.

Colegas de trabalho empolgados com os recursos usados pela gamificação.
A competitividade gerada pela gamificação deve ser leve e saudável, sem atritos ou constrangimentos.

Resultados e comemorações 

Reconhecer o trabalho dos profissionais é sempre importante, principalmente para evitar uma equipe desmotivada. Por isso, as premiações e celebrações devem acontecer com certa frequência, para marcar as conquistas, comemorar em conjunto e, paralelamente, estimular as pessoas a se engajarem cada vez mais. 

Como implementar um programa de gamificação? 

Agora que você já sabe como funciona a gamificação nas empresas e os benefícios que essa aplicação traz, confira que passos seguir para garantir uma implementação eficaz: 

Defina seu objetivo 

Não basta uma empresa ter metas bem traçadas; é necessário comunicá-las às equipes. Quando uma missão ou objetivo é estabelecido, é possível delimitar diferentes etapas (ou fases), cada uma com seus próprios obstáculos e desafios a serem cumpridos. A partir desse grande propósito, comum entre todos os setores, as pessoas se envolvem individualmente. 

Estabeleça as regras 

A premissa básica que define um jogo é a obrigatoriedade das regras. Elas são a base de todas as dinâmicas. Do mesmo modo, para manter o trabalho alinhado às metas e às políticas da organização, cada colaborador deve seguir normas preestabelecidas.

Equipe reunida a fim de debater aspectos importantes para a eficácia da gamificação.
Antes de definir objetivos, é importante levantar as necessidades dos colaboradores e da empresa como um todo.

Comunique a premiação anteriormente 

O prêmio não deve ser o maior foco do programa de gamificação, mas certamente cumpre um papel relevante. Mais que uma razão para atrair profissionais, ele atua como uma forma de valorização pelos seus esforços, fazendo com que os colaboradores se sintam importantes e motivados a buscar resultados cada vez melhores. 

Mensure resultados durante o processo 

Diante de uma fase difícil em um jogo, o jogador deve refletir sobre o que está fazendo de errado e elaborar uma estratégia diferente, para superar os obstáculos e atingir sua meta. Essa mentalidade, quando estimulada pela gamificação, permite que os trabalhadores se autoavaliem, mensurando seus resultados, pensando em novas soluções e buscando formas de melhorar. Então, mesmo que um colaborador não fique em primeiro lugar ou obtenha a maior pontuação entre os colegas, vale a pena acompanhar seu desenvolvimento, com atenção especial para suas conquistas e pontos de melhoria. 

Agende um momento de reconhecimento 

Esse momento deve ir além do que já se espera de uma cultura de feedback (que geralmente é exercitada no dia a dia, através do contato individual). Na ocasião, por exemplo, vale realizar uma cerimônia com toda a equipe e até mesmo promover um happy hour após o expediente, em clima de celebração pelos resultados atingidos. 

Agora que você já sabe tudo sobre gamificação empresarial, que tal investir numa ferramenta que pode ser implementada junto a essa estratégica, oferecendo inúmeros benefícios aos colaboradores e aumentando o índice de retenção de talentos? O DUCZ oferece todos os insumos para incentivar se motivar sua equipe. Clique na imagem abaixo, entre em contato e saiba mais!

Com DUCZ, o incentivo e a motivação estão mais do que garantidos!

Compartilhe:

Apaixonada por Comunicação e suas inúmeras possibilidades. Trabalha com redação criativa, copywriting, storytelling e técnicas de SEO. Enxerga a escrita como uma forma de aprender e de transmitir conhecimento a outras pessoas.

Este artigo tem 0 comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Back To Top