skip to Main Content
Mulher Negra Mexendo Ao Computador, Olhando Para O Lado E Sorrindo.

Como estruturar um RH do zero? 10 dicas para gestores!

Valorização de pessoas, processo de recrutamento e seleção, motivação da equipe, melhores resultados como um todo… Essas são apenas algumas das vantagens que ressaltam o quanto é importante entender como estruturar um RH do zero, afinal, essa equipe se dedica a montar um planejamento estratégico pensando no bem-estar de toda a empresa. 

Grandes empresas do mercado se desenvolveram mais ainda após desenhar, de forma organizada, os setores de gestão de pessoas. É esta equipe quem irá zelar pela motivação de todos os colaboradores, trabalhando de maneira estratégica a atração e a retenção dos talentos do seu negócio. 

Por isso, é importante entender todos os processos por trás da área de recursos humanos, a fim de estruturar o RH da melhor forma. 

Clique e acesse o site do Ducz!Para te ajudar nessa tarefa, separamos algumas dicas importantes que te ajudarão a desenhar o papel do RH. Antes, no entanto, é válido entender o que a área significa e qual sua importância. Confira! 

O que é a área de recursos humanos? 

RH é um departamento da empresa focado em recrutamento, em seleção, em treinamento, em remuneração, em motivação e em benefícios dos colaboradores da empresa. A área surgiu na primeira revolução industrial, como uma estratégia para garantir que os funcionários cumprissem os desejos do patrão. 

Mulher e homem olhando para a câmera e sorrindo, com roupas sociais.
A área de RH surgiu na primeira revolução industrial e foi se adaptando até os tempos atuais.

Conforme as leis trabalhistas surgiram e a sociedade começou a mudar sua postura em relação à maneira como enxergava os diferentes espaços de trabalho, o setor passou por uma grande mudança.  

Atualmente, o RH zela pelas boas relações profissionais, respeitando o colaborador como parte integral da empresa e trabalhando para que funcionários e organização estejam alinhados. 

Por isso, a área também trabalha questões como cultura, clima e engajamento, com ações que garantam que todos estejam satisfeitos com o local de trabalho e com o que estão exercendo nele. 

Qual a importância do RH nas empresas? 

setor de RH é muito importante para as empresas, justamente por zelar pelo maior bem delas: os colaboradores. Por isso, negócios desenvolvidos possuem a área bastante estruturada. Confira algumas vantagens em fazer isso: 

Zelar pela organização dos setores 

O RH faz reuniões frequentes com os diretores de cada um dos setores da sua empresa para entender como eles estão rodando, quais atividades tem sido desenvolvidas e qual o clima dentro de determinada área. 

Reunião de negócios com várias pessoas ao redor da mesa.
O RH zela pelo clima organizacional dentro dos diferentes setores.

Caso problemas aconteçam, principalmente aqueles relacionados a comportamento, o RH irá traçar soluções para resolvê-los, além de comunicar constantemente sua visão para o CEO da empresa. 

Trabalhar para o desenvolvimento das pessoas 

A área de RH é uma das grandes responsáveis pela gestão de carreiras e pela formação de lideranças dentro de um negócio, por meio de cursos (internos e externos), treinamentos, feedbacks e capacitações. 

Por meio de uma avaliação de desempenho – processo comum desenvolvido pelo setor –, o profissional de RH compreende qual o nível de cada colaborador e trabalha no dia a dia para que ele atinja novos patamares profissionais. 

Dessa forma, você cria um ecossistema que preza pelo desenvolvimento constante, algo muito valorizado pelos profissionais atualmente e parte integral para retenção dos colaboradores. 

Realizar contratações mais alinhadas à sua empresa 

Por serem profissionais especializados em comportamento, RHs conseguem analisar candidatos às vagas e observar se eles estão alinhados às necessidades, ao propósito e à cultura da sua empresa de forma mais assertiva. 

Profissional de RH analisando currículos e mexendo no notebook.
O RH trabalha ativamente para fazer contratações estratégicas para sua empresa.

Além disso, eles sabem a melhor maneira de realizar prospecção de pessoas, o que ajuda a encontrar os melhores profissionais para sua empresa. 

Trabalhar a gestão de pessoas de maneira organizada 

O RH é responsável pela documentação envolvida em contratações e demissões, pela organização de atestados médicos, pelo acompanhamento do registro de ponto, pela liberação das férias, pelo pagamento – geralmente, junto do setor financeiro – e muito mais. 

Por isso, a área lida com questões práticas do seu negócio, liberando tarefas que ocupam o tempo dos líderes quando atribuídas a eles.  

Evidentemente, existem muitas outras vantagens em estruturar o RH na sua empresa, visto que o principal foco do setor é cuidar para que os colaboradores permaneçam alinhados ao propósito do seu negócio e trabalhem de forma motivada. A pergunta é: como organizar a área do zero? 

Como estruturar o RH 

Agora que você já sabe o que é o RH e quais as vantagens em desenvolver a área no seu negócio, é o momento de conferir o passo a passo para fazer isso! 

1. Crie um planejamento estratégico

Antes mesmo de realizar a contratação dos profissionais, é preciso reunir as lideranças e desenvolver um planejamento estratégico para sua área de RH. Levante quais os objetivos com a estruturação do setor, quais dores ele irá sanar, quanto tempo o processo de organização levará e quantas pessoas serão necessárias para que o departamento seja composto. 

Profissionais realizando cálculos e planejamento estratégico para estruturar um RH do zero.
O primeiro para estruturar o RH é fazer seu planejamento estratégico.

Tudo isso deve ser listado e documentado para que, assim que os profissionais de recursos humanos chegarem, aconteçam reuniões para alinhamento. 

Dessa forma, todos trabalham com os propósitos devidamente ordenados, o que trará mais benefícios para toda a empresa e impactará diretamente no crescimento da organização.

2. Pense em sua cultura organizacional

Quais os pilares que orientam seu negócio? Defini-los é uma maneira de alinhar, com todos os colaboradores, como as pessoas se comportam e agem no ambiente de trabalho, o que evita situações que não fazem sentido com o posicionamento de sua empresa. 

Estruturar quais os valores do seu negócio e qual sua cultura organizacional antes de contratar os profissionais de RH é uma forma de trazer, para a área, pessoas que estão de acordo com seu posicionamento. 

Nesse processo, é importante analisar se o que está sendo definido faz sentido ao olhar para o futuro. É fundamental que os seus valores não sejam pessoais, mas sim o DNA da sua empresa. 

Outro ponto interessante é observar as tendências do mercado. Elas apontam que os profissionais do futuro valorizarão negócios engajados socialmente, ou seja, aqueles que falam sobre diversidade, sustentabilidade e coletivo no dia a dia. 

Assim, você consegue estruturar seu RH pensando em como sua empresa se expressa e em como ela continuará fazendo isso, afinal, ter visão de futuro é fundamental. 

3. Defina metas

Com o planejamento desenhado e seus valores bem definidos, é o momento de estabelecer as metas para o departamento de recursos humanos. 

Profissionais analisando relatórios para estruturar metas de RH.
Estipular as metas do RH é fundamental para que ele rode de forma estratégica e trazendo resultados para sua empresa.

Elas podem ser medidas em entregas – como a fundação de um comitê para debater diversidade – ou em números – como a ampliação de seu quadro de funcionários. O ideal, inclusive, é contabilizar de ambas as formas. 

As metas são a melhor maneira de mensurar o crescimento da área e, automaticamente, da sua empresa. Além disso, elas servem como motivação para os profissionais trabalharem diariamente. 

4. Contrate especialistas

As primeiras contratações da equipe de RH devem ser feitas de forma analítica, para que você traga profissionais especializado, com experiências que fazem sentido para o seu negócio e que, evidentemente, farão ele se desenvolver. 

O ideal é prezar por pessoas com um nível de atuação mediano para iniciar a área, afinal, você não conseguirá treiná-las por enquanto. No futuro, você poderá ampliar o setor e desenvolver um ambiente de aprendizado. 

5. Desenhe os processos

Uma área precisa de processos para rodar da melhor maneira. Por isso, quando o profissional de RH chegar, alinhe suas expectativas e desenhe o método de funcionamento do setor. 

Profissional estruturando os processos de RH com ajuda de cartolinas e post-its.
Ter processos bem desenhados é importante para que o profissional de RH saiba como rodar cada tarefa na sua empresa.

Com algumas reuniões, será possível aproximar as experiências do RH com o posicionamento da sua empresa, desenvolvendo processos que façam sentidos para ambos. 

6. Fortaleça a marca empregadora

A marca empregadora é a vertente do seu negócio focada em atração de talentos. Fortalecê-la com a ajuda do RH, seja nas redes sociais, na mídia ou no mercado, é fundamental para que sua empresa continue se desenvolvendo e torne-se atrativa para colaboradores externos. 

As ações de fortalecimento de marca empregadora podem ser desenvolvidas entre RH e marketing, com reuniões de alinhamento. 

7. Reavalie processos antigos

Os seus processos antigos estão fazendo sentido para que sua empresa seja reconhecida como excelente ao trabalhar junto às pessoas? Analisar seu onboarding de colaboradores, suas ações de motivação internas e outras atividades que vinham sendo desenvolvidas junto aos funcionários é uma ótima ideia na hora de estruturar o RH do zero. 

Dessa forma, você conta com um especialista em gestão de pessoas para pensar o melhor na hora de manter seus colaboradores motivados e realizados por fazer parte do seu negócio. 

8. Conte com ferramentas tecnológicas

Existem inúmeras ferramentas disponíveis no mercado que automatizam determinadas tarefas do RH, liberando tempo na agenda para que ele foque em ações estratégicas que de fato impactarão no desenvolvimento da sua empresa. 

Profissional de RH analisando relatórios de plataformas tecnológicas.
Atualmente, existem ferramentas tecnológicas capazes de ajudar os profissionais de RH.

Plataformas que automatizam a folha de pagamento, portais para controle dos benefícios oferecidos e outras ferramentas certamente otimizarão o dia a dia do seu RH.

9. Invista no futuro

É importante que você e o RH pensem em ações a curto, médio e longo prazo. Por isso, liste os objetivos futuros que você quer conquistar, como oferecer benefícios flexíveis para todos os colaboradores ou ser reconhecido como uma empresa expert em desenvolver pessoas. 

Pensar em treinamentos – alguns apenas para o setor de RH e outros para toda a equipe – também é uma ótima ideia. Dessa forma, você garante que está valorizando cada funcionário, além de garantir que ele esteja em constante processo de aprendizado. 

10. Foque, sempre, nas pessoas

O maior propósito do RH dentro da empresa é focar em valorizar as pessoas. Por isso, é fundamental que as atividades deste profissional estejam focadas nos seus colaboradores, para que eles permaneçam satisfeitos trabalhando em sua empresa. 

Lembre-se que sua equipe é a grande responsável pelo sucesso do seu negócio e busque traçar ações que demonstre isso para ela. 

Agora que você já sabe como estruturar um RH do zero, é hora de convidar o time e começar a trabalhar para a construção dessa área que, com certeza, colocará sua empresa em um novo patamar do mercado. 

Se você gostou das dicas Ducz, comente mais uma dica para o RH, sua dúvida ou envie este texto para alguém!

Compartilhe:

victor matheus

Entusiasta da língua, da linguagem e da literatura. Escreve desde os 8 anos de idade, anda sempre com um livro, é movido por arte e encontrou no marketing de conteúdo a oportunidade de aprendizado constante.

Este artigo tem 0 comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top