skip to Main Content
Colegas de trabalho reunidos em um happy hour na empresa

Happy hour na empresa: como organizar o seu da melhor maneira?

Ter momentos de descontração no ambiente de trabalho é importante para que os colaboradores se sintam valorizados e comemorem os sucessos. Uma opção é fazer um happy hour na empresa, de forma que os funcionários celebrem e bebam uma cerveja. 

Além de influenciar no clima organizacional, que passa a ser mais leve, visto que os colaboradores podem comemorar dentro da empresa, o happy hour corporativo é uma estratégia de retenção de talentos. 

Afinal, o evento impacta diretamente no contentamento do funcionário. Assim, ele se sente à vontade trabalhando em sua empresa e tende a continuar sendo parte dela. 

Para te ajudar a entender como organizar um happy hour na empresa, separamos oito dicas que tornarão o processo mais simples, divertido e criativo. Continue a leitura e confira! 

O que é um happy hour corporativo? 

O happy hour é um termo bastante conhecido por quem gosta de bebida alcoólica, pois se refere ao período entre o fim da tarde e o início da noite, no qual amigos vão a bares ou restaurantes tomar algo. 

O período do dia remete, ainda, para o pós-expediente. Dessa forma, é comum que as pessoas saíam do trabalho e sigam para um barzinho, a fim de tomar um drink ou uma cerveja. 

No contexto corporativo, o happy hour se assemelha bastante ao conceito original. Ao fazer o evento na empresa, os convidados são os próprios colaboradores, que podem beber na empresa ou em outro local. 

A ideia do happy hour na empresa é promover a socialização entre os funcionários, de forma que eles criem laços e se sintam contentes no ambiente de trabalho. É comum que o evento também tenha alguns petiscos, para que as pessoas comam enquanto bebem. 

É comum que as empresas adotem o happy hour como um evento fixo, o qual acontece mensalmente. Geralmente, ele é feito após uma reunião de resultados e, quando as metas são batidas, existem comemorações especiais. 

Um chopp representando happy hour coorporativo
Inserir o happy hour na sua empresa é uma maneira de promover momentos de descontração entre a equipe frequentemente.

Inserir o happy hour na sua empresa é uma maneira de promover momentos de descontração entre a equipe frequentemente. 

O happy hour possui a habilidade de quebrar o gelo entre os colaboradores, impactando na cultura da empresa, que passa a ser mais leve e descontraída. O resultado são funcionários mais contentes, interagindo entre si e valorizando o costume de comemorar existente em sua empresa. 

Como organizar um happy hour na empresa? 

Reunir ideias de happy hour na empresa é uma maneira de organizar o evento da melhor maneira, garantindo que não faltarão alimentos e bebidas. Além disso, você consegue ser mais criativo na hora de estruturar o momento. 

  1. Estipule o orçamento

O primeiro passo para organizar o happy hour empresarial é definir o teto máximo de gastos que podem ser feitos para que o evento aconteça. Assim, você consegue fazer investimentos conscientes, sem extrapolar seu limite e, principalmente, sem gerar prejuízos. 

Definir seu limite de gastos é fundamental para que o happy hour seja realizado de forma econômica e ainda assim divertida. É a partir do valor estipulado para o investimento que você pode pensar em quais serão as bebidas, as comidas e até as atrações, como DJ ou elementos decorativos. 

  1. Crie regras

Como RH, é fundamental que regras sejam estabelecidas, a fim de que o evento seja organizado e não gere situações constrangedoras, que podem prejudicar a imagem da empresa ou deixar determinado colaborador insatisfeito. 

Colegas de trabalho reunidas
É importante estipular regras antes do happy hour acontecer, para que o evento seja bem organizado.

É importante estipular regras antes do happy hour acontecer, para que o evento seja bem organizado. 

Limite de bebidas, horário de início e de término, volume máximo da música e abertura para convidados externos são exemplos de pontos de atenção que precisam estar bem definidos antes do happy hour começar. 

Assim, você evita situações constrangedoras, como colaboradores ingerindo muita bebida alcoólica ou desconhecidos chegando à empresa em um evento que deveria ser privado.  

As regras devem ser comunicadas aos colaboradores de maneira leve, para que eles entendam a razão delas existirem e cuidem para que elas sejam respeitadas. Assim, todo mundo consegue curtir o happy hour corporativo da melhora forma. 

  1. Envolva os colaboradores

Antes de fazer o happy hour, é válido envolver os colaboradores na organização. Isso pode acontecer por meio de pesquisas internas, de vagas na comissão organizadora ou pela união de outros departamentos ao de RH – como o de marketing, que pode trazer muitos insights criativos. 

Na pesquisa interna, é importante perguntar as preferências alimentares dos funcionários, para que pessoas vegetarianas ou intolerantes à lactose, por exemplo, também curtam o evento. 

Colegas diante de uma mesa de bebidas
Envolver a equipe no planejamento do happy hour é uma forma de garantir que todos gostarão do evento.

Envolver a equipe no planejamento do happy hour é uma forma de garantir que todos gostarão do evento. 

Além disso, você pode perguntar sobre as bebidas preferidas da equipe – às vezes, eles preferem caipirinha à cerveja –, pedir ideia de temas, solicitar feedbacks em relação a outros happy hour e por aí vai. 

A ideia é tornar este um canal estratégico e, principalmente, colocar o colaborador como parte da organização do happy hour. Assim, você demonstra que realmente está interessado em agradá-lo. 

  1. Valorize a cultura

A cultura da sua empresa precisa estar presente no seu happy hour. Caso seu negócio seja mais jovem e descontraído, o happy hour pode ter música, temas divertidos, variedade de bebidas alcoólicas e brincadeiras entre os colaboradores. 

Se, por outro lado, seu negócio for mais tradicional, a dica é apostar no simples e no clássico. Assim, você garante que os colaboradores permanecerão no happy hour, o que pode não acontecer se você organizar um evento muito extravagante.  

A cultura da sua empresa é um dos maiores códigos de conduta dentro do seu negócio. É ele quem comunica a atitude dos colaboradores e quem dá o tom da festa. Por isso, envolva-a na organização do happy hour. 

  1. Escolha o local

Geralmente, o happy hour acontece na própria empresa. No entanto, caso seu estabelecimento seja pequeno, você pode alugar um salão ou até fazer o evento em bares ou restaurantes.  

Um brinde de chopp
Se você não tenha espaço na empresa, o happy hour pode acontecer em um bar.

Se você não tenha espaço na empresa, o happy hour pode acontecer em um bar. 

Caso haja um happy hour especial, você pode pegar um lugar maior e envolver outras atrações, como DJ, barman e pratos especiais. 

  1. Pense no cardápio

É muito importante que o happy hour tenha petiscos e outras comidas – como finger foods – para que os colaboradores não ingiram apenas bebidas alcoólicas. Por isso, tire um tempo para pensar em um cardápio ou contrate profissionais especializados para que isso seja feito. 

  1. Decore o espaço

Decorar o ambiente com itens temáticos de happy hour é uma forma de envolver os colaboradores e de quebrar o gelo, colocando todos no clima de comemoração e de festa. 

  1. Faça happy hours temáticos

Outra ótima ideia é criar happy hours temáticos na sua empresa, para sair do comum e engajar os colaboradores a participarem ativamente do evento. Além de envolvente, esta ideia é divertida e surpreendente. 

O interessante de investir em um tema para o happy hour é que ele impacta em outros momentos do planejamento, como a definição do cardápio e a escolha da decoração.  

Qual a importância do happy hour empresarial?

Realizar o happy traz diversos benefícios para a empresa, que impactam diretamente no clima organizacional e nas relações de trabalho.

Integração entre as pessoas

Estes eventos permitem que pessoas de diferentes setores conversem, criem amizade e se integrem. Assim, sua empresa desenvolve um laço maior do que o corporativo, pautado em amizade.

Dessa forma, você trabalha o salário emocional, um termo que se refere a fatores sentimentais e motivadores que levam colaboradores a continuar em determinada organização.

Criação de networking

A integração entre pessoas expande, ainda, o networking das pessoas. Deste contato, ideias e ações inovadores podem surgir, pois as áreas descobrem que podem unir forças.

Melhoria do clima organizacional

happy hour deixa as pessoas mais felizes ao proporcionar um momento descontraído e leve. Este fator impacta diretamente o clima organizacional, que melhora e se torne mais feliz.

Integração de equipes

A popularização e a instauração dos modelos home office e híbrido de trabalho tornaram mais complexa a tarefa de integrar equipes. Os encontros casuais se tornaram escassos e, automaticamente, a construção de um bom relacionamento durante o expediente precisa de ações específicas para acontecer.

O ponto é que essa integração é benéfica e saudável para toda a equipe. Afinal, ter uma rede de apoio formada no trabalho é excelente para que as pessoas se sintam seguras, pertencentes e realizem as tarefas de forma engajada.

Em empresas grandes, nas quais alguns setores possuem menos contato, a integração que o happy hour proporciona é ainda mais interessante. No meio da rotina, é possível que certas áreas praticamente não se cruzem. Durante o evento, por outro lado, essas pessoas terão a chance de trocarem experiências e de criar networking.

Três mulheres ao redor de uma mesa branca, conversando e sorrindo.
A integração das equipes pode resultar em processos inovadores e em ações compartilhadas entre áreas que antes não tinham contato.

Para além do happy hour, a inetgração entre equipes pode acontecer com uma cultura organizacional bem estruturada, que preze pela troca e pela copartipação. Criar um ambiente acolhedor, em que as pessoas se sintam representadas e não tenham medo de se expressar, também é uma excelente prática.

Para isso, é importante alinhar uma cultura de feedbacks saudável, além de realizar acompanhamentos para garantir que a comunicação positiva está sendo vivenciada na organização (ou seja, para ter certeza que não existem grosserias e briguinhas internas acontecendo).

Dessa forma, todos os colaboradores se sentirão como parte do negócio, e diferentes equipes poderão se integrar e desenvolver um relacionamento não apenas profissional, como também pessoal, com sua empresa.

Fazer um happy hour na empresa é uma ótima iniciativa para manter os colaboradores motivados e engajados com seu negócio. Lembre-se de pensar em sua cultura e crie um momento agradável para todos. 

Gostou deste conteúdo? Então conheça o DUCZ, um cartão de benefícios flexíveis que pode ser cedido aos colaboradores para que eles organizem seus próprios happy hours!

Clique na imagem abaixo e acesse a página do DUCZ.

Compartilhe:

Entusiasta da língua, da linguagem e da literatura. Escreve desde os 8 anos de idade, anda sempre com um livro, é movido por arte e encontrou no marketing de conteúdo a oportunidade de aprendizado constante.

Este artigo tem 0 comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Back To Top